Direto do outro lado do mundo pra você.

Este é um maravilhoso exemplo de que, nem sempre,  uma peça criativa custa caro para ser feita. O que foi preciso aqui? Uma caixa simples de papelão (que o anunciante deve comprar aos milhares), um impresso policromia e uma dose certeira de uma sacada criativa.
Bom caso para a gente não se acomodar com verbas curtas e fazer sempre "as variações do comum" para nossos clientes.

Imagine que você acabou de receber uma encomenda de Hong Kong e, ao tirar o produto da caixa, vê que onde deveria ser o fundo tem um longo túnel e, no final dele, um carinha de olhos puxados com as mãos estendidas para você. Foi essa brincadeira que a Ogilvy Amsterdam usou para divulgar os serviços superápidos da DHL para entregas e remessas da Ásia. As caixas de encomendas da marca vinham com um fundo falso e a mensagem “The fastest way from Hong Kong”. Olha só:
achei no bicho de goiaba.

Comentários

  1. Legal! As vezes nos acomodamos com a desculpa da verba curta!

    ResponderExcluir
  2. é verdade Maycon,
    é mais fácil fazer o feijão-com-arroz do dia a dia.
    mas podemos ser melhores que isso, que o básico.
    bjs

    ResponderExcluir

Postar um comentário