Hoje é noite de SuperMoon. A maior Lua dos últimos 20 anos!

Lua quase cheia a dois dias da "SuperMoon" (17/mar/2011) - Foto Tiago R.

Hoje é o começo de outono, época de renovação (de folhas, de alma, de vida...) e é a noite em que teremos uma Super Moon no céu - 19 de março de 2011.
O fenômeno é conhecido como “Super Moons”, onde a Lua chega ao ponto mais próximo da Terra, ficando a cerca de 221.557 milhas, 14% maior e 30% mais luminosa. O melhor horário para visualizar este espetáculo é logo após o por-do-sol, às 18h do dia 19/03 quando a Lua nascerá no horizonte ao leste e Sol terá se posto ao oeste.
A última “SuperMoon” foi em 1992. Grandes alterações meteorológicas do clima são relacionados com ocorrência (aproximação) das “SuperMoons”, como por exemplo o furação Katrina em 2005. Estranhamente a aproximção dessa nova “SuperMoon” coincidi com a tragédia japonesa em Sendai, muito embora abalos sísmicos não sejam fenômenos meteorológicos.
As últimas “SuperMoons” ocorreram em 1992, 1974 e 1955 quando se iniciou os registros da aproximação da Lua em relação a Terra.

Dicas para fotografar a Lua.
Diferente de blogs e sites que dão uma receita pronta (ISO, velocidade, abertura e uso do tripé) para fotografar a Lua, e que pode não dar certo de acordo com a luminosidade em relação ao ponto em que a Lua é observada, deixo as dicas:
- nada de modo Auto, P, A ou S! O correto é usar o M (manual);
- fotometria pontual (spot) no centro da Lua, compensando para um objeto luminoso;
- o ISO pode variar entre 200 ~ 800 dependendo do rendimento do sensor da sua câmera;
- abertura não precisa ser pequena, a Lua esta longe e não haverá aumento no DOF;
- velocidade quanto maior, melhor, menor o risco de tremer a foto;
- pode usar tripé (e deve se a velocidade for baixa) ou fazer na mão, desde que a velocidade permita;
- a maior distância focal possível, pelo menos 300mm, mas se tiver 400, 500 ou mais melhor;
- se optar por abertura pequena e uso do tripé (baixa velocidade), utilize um controle remoto;

Achei toda essa informação no Blog do fotógrafo Tiago R. vale a pena visitar.

Comentários

Postar um comentário