Toma! É pra você comprar uma casa.

Esta semana me emocionei em uma cena corriqueira do dia, protagonizada pela minha filha Laura, de 4 anos.

Subimos as escadas do Banco do Brasil e tinha um mendigo sentado, muito maltrapilho, sem camisa, descalço, com a barba branca e bem comprida. Ele olhou pra ela e pediu dinheiro, ela respondeu que não tinha.

Entramos no banco, depois que terminei entreguei uma nota pra Laura e disse pra ela dar ao moço da escada.

- Ele é muito pobre não é mamãe?

- É sim minha filha.

Escondendo a nota atrás das costas ela foi caminhando na direção do homem (só faltou dizer “fecha os olhos e abre a mão”).

- Eu tenho uma surpresa pra você!

Disse com um imenso sorriso e os olhinhos brilhando.

- Toma! É pra você comprar uma casa, bem grande...

Neste momento enchi os olhos de lágrimas e olhei pro homem pedindo desculpas, ele sorriu e pegou as mãozinhas dela junto às dele e agradeceu.

Naquele momento talvez ela tenha dado muito mais do que ele esperava, deu carinho e mostrou que se importava com ele, do jeito puro e simples de uma criança.

E eu agradeci a Deus a filha que ele me deu, que me ensina coisas todos os dias.




Comentários

  1. E o brilho nos olhos de Laura é algo que não se pode descrever em palavras...
    Linda foto!!!
    Essa menina é uma pedra preciosa...
    E parabéns pela iniciativa...
    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  2. oi Ricardo,

    que bom que minha filha tem um fã, rsrs.
    sim, o brilho dos olhos dela e o seu sorriso sempre farto é bom demais de se ter.

    agradeço a Deus por ela e peço, sempre, que Ele me ajude a educá-la (coisa nada fácil).

    obrigada.

    bjs

    ResponderExcluir

Postar um comentário